Anistia Internacional lança rede social

A Anistia Internacional, inspirada no Facebook, criou o Tyrannybook, uma rede social voltada à vigilância dos líderes mundiais que não respeitam os Direitos Humanos hoje.

As pessoas que se ingressarem na rede social Tyrannybook terão a oportunidade de seguir o perfil de líderes mundiais considerados tiranos pela Anistia Internacional. Os seguidores receberam informações atualizadas sobre seus crimes contra humanidade fornecidas pela própria Anistia ou através da colaboração dos usuários.

Assim como nas demais redes sociais – Orkut, Facebook, Twitter e outros – o objetivo é tornar o site uma ferramenta permanente, que cresce com a participação das pessoas. Outra proposta e criar uma rede de defesa dos Direitos Humanos com maior atuação dos cidadãos mundiais.

Irene Rodrigues, porta-voz da organização em Portugal, disse nesta segunda-feira (10/05) à Agência EFE que a iniciativa, cuja ideia original é do publicitário Leo Burnett Iberia, se tornou “um sucesso”, depois de uma semana de sua inauguração.

Segue a lista dos 10 mais populares tiranos seguidos no site: Ramzan Akhmadovich Kadyrov, da Chechênia; Aleksandr Lukashenko, de Belarus; Thomas Lubanga Dyilo, da República Democrática do Congo; Mahmoud Ahmadinejad, do Irã; Than Shwe, de Mianmar; Kim Jong-il, da Coreia do Norte; Omar Hassan Ahmad al-Bashir, do Sudão; Radovan Karadzic, da Sérvia; Robert Mugabe, do Zimbábue; e Hu Jintao, da China.

por Marquione Ban

imagens da internet

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s